Saúde pra que?

0
255

Oi! Tudo bem com vocês? Graças a Deus estamos bem, com saúde e satisfeitos pela festa de Natal passada.

Acredito que todos tenham notado que estamos passando por um clima mais frio, com momentos de chuvas na nossa região do Pajeú e que como consequência nos traz mais esperança para o ano novo que se aproxima. Com isso, hoje falaremos sobre as doenças/agravos desta época do ano comuns do verão.

O verão é uma das quatro estações do ano, caracterizada por ser a estação mais quente.

Neste período, as temperaturas permanecem elevadas e os dias são mais longos do que os dias de outras estações. Geralmente, o verão é também o período do ano reservado às férias. No Hemisfério Sul, ele ocorre entre os dias 21 de dezembro a 20 de março.

Com este calor intenso, chuvas mais constantes e a crescente umidade observa-se o aumento das enfermidades / agravos de verão na população, como: Bicho geográfico, Fitofotodermatoses, Desidratação, Brotoeja, Infecções gastrointestinais, Dengue, Zika, Melasma, Hepatite A, Micose, Conjuntivite, Câncer de pele, Leptospirose, dentre outras.

Destas doenças, vou destacar a Dengue onde o calor e as chuvas de verão formam o ambiente ideal para a proliferação do mosquito transmissor da dengue, o “Aedes aegypti”. Febre e dores do corpo são sintomas da doença. A prevenção é feita com o uso de repelentes contra insetos e o cuidado de esvaziar recipientes com água parada, onde o mosquito costuma colocar seus ovos. ATENÇÃO REDOBRADA!

Como também, destaco a Leptospirose que é uma doença causada por uma bactéria presente na urina de ratos é mais incidente no verão, por causa dos alagamentos frequentes que facilitam o contato entre a urina e a pele das pessoas. Febre, dor muscular intensa e olhos amarelados são sintomas da enfermidade, que pode evoluir para um quadro grave de insuficiência renal. ATENÇÃO REDOBRADA!

Então, para entrarmos o ano de 2019 com “pé direito” a prevenção no nosso dia a dia deve ser constante tanto no trabalho como na nossa própria casa. Aqueles que irão viajar, precisam se hidratar com mais frequência e fazer o uso do filtro solar com FPS 50 no mínimo na exposição ao sol. Cuidado também com a ingestão de alimentos de procedência duvidosa.

Enfim, para concluir desejo uma maravilhosa virada de ano e um ano de 2019 repletos de Deus e de muito amor. Obrigada pela companhia de vocês todas as semanas aqui no blog e estarei sempre à disposição para saber qual tema de saúde vocês querem ler por aqui. Mande sua mensagem, deem sua opinião, compartilhem e ótima semana.

Lembre-se que SAÚDE DE QUALIDADE É PRA TODOS.

Marília Rabelo Pires

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here